Please reload

Posts Recentes

Projeto Laguna Cultural promove evento 'Piano Bar e Sarau de Poesia' em parceria com Chiquinho Vaz e Tatiana Machado! Confira como foi a ediçã...

August 28, 2018

1/3
Please reload

Posts Em Destaque
Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Carta de Vinho da Pizzaria Laguna: sobre os vinhos chilenos

“O vinho continuará, todavia, sendo um dos mais importantes símbolos da “civilização”, uma marca que distingue o homem civilizado, que não apenas soube inventar essa bebida mágica, mas que, além disso, elaborou formas de autocontrole e de “bom uso” que fazem do homem o senhor do vinho e não o contrário. Os autores gregos não cessam de repetir que os povos bárbaros são incapazes de se conformar a essas regras. A cratera comum simboliza, portanto, a regulamentação cultural e social, o saber e a técnica que se sobrepuseram aos instintos". (História da Alimentação - J L Flandrin e M Montanari)

 

     O Chile é um país privilegiado para a produção de vinhos de excelente qualidade. O país está localizado numa região que reúne as melhores características para a sua produção. Fatores ambientais como composição do solo e do subsolo, ventos, regime pluviométrico, clima, variação de temperatura entre o dia e a noite, além da presença da Cordilheira dos Andes e de serra costeira, contribuem para tornar o Chile um país especialmente dotado para essa atividade.

    Estamos acostumados a beber o vinho chileno e familiarizados com a presença de suas garrafas nas prateleiras de supermercados e lojas especializadas. O Chile é o maior exportador de vinhos para o Brasil.

      Como em muitos lugares do mundo, tudo começou em meados do século XVI e por motivos religiosos, já que o vinho era utilizado para a celebração das missas. Mas, somente no século XIX, se dá o início da produção em grande escala e o aparecimento das primeiras vinícolas.

      Não podemos falar, porém, do vinho chileno sem mencionarmos a FILOXERA, uma praga que devastou a viticultura européia, no século XIX, atacando as raízes das videiras e espalhando-se pelo mundo. No Chile, entretanto, muito provavelmente pela barreira natural da Cordilheira dos Andes e do Oceano Pacífico, seus vinhedos não foram atacados. Mão de obra europeia especializada, então, migrou para o Chile, provocando um extraordinário salto de qualidade na produção de vinhos desse país.

     Interessante também é o caso das uvas chamadas Carmenére. Na ocasião da praga da filoxera, esse tipo de uva foi dizimado e considerado extinto em todo o Velho Continente. Vinhas de carmenére, no entanto, foram importadas de Bordeaux, na França, pelos produtores chilenos, sendo confundidas com outro tipo de uva, chamado Merlot. Durante 150 anos, esses dois tipos de uva foram cultivadas de forma misturada, somente na década de 1990 e graças ao professor Jean-Michel Boursiquot, a carmenére foi reconhecida como uma casta distinta da merlot. Atualmente, a Carmenére ocupa papel de destaque no país, sendo uma exclusividade chilena.

     As principais variedades de uvas tintas do Chile são: Cabernet Sauvignon, Syrah, Pinot Noir, Cabernet Franc e Malbec, além das já citadas Carmenére e Merlot.

    Já as vinícolas mais conhecidas no Chile são, dentre outras, a Vinícola Santa Rita, Concha y Toro, Santa Carolina, Santa Helena, Casa Silva, Tarapacá, Ventisquero e San Pedro. Produzem excelentes vinhos, populares no Brasil, tais como, o vinho Casa Real, o 120 (nome em homenagem aos 120 soldados que, em 1814, lutaram pela independência do Chile, refugiando-se, exaustos, em Santa Rita), o famoso Casillero del Diablo,  os Reservados Santa Carolina e Santa Helena, o Gato Negro, dentre outros.

    Que tal harmonizá-los com os sabores de nosso cardápio? Combinar massas, queijos, carnes, frutos do mar e vinho é um dos hábitos mais antigos da história da alimentação e, sem dúvida, uma das experiências degustativas mais prazerosas. Conheça nossa Carta de Vinho e nossas sugestões de harmonização.

 

 

   

   

Compartilhar
Compartilhar
Curtir
Please reload